Encerrar carreira? Na pior, Gusttavo Lima chora após shows investigados: 'Jogando a toalha'

Encerrar carreira? Na pior, Gusttavo Lima chora após shows investigados: 'Jogando a toalha'

maio 31, 2022 Off Por Admin

Gusttavo Lima compartilhou um desabafo sobre as investigações envolvendo shows marcados em Conceição de Mato Dentro (MG), São Luiz (RR) e Magé (RJ). Após o acordo ser cancelado em Minas Gerais, o MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) está analisando a apresentação marcada na Baixada Fluminense. O cantor se tornou símbolo de uma crise que começou com outro sertanejo, Zé Neto, da dupla com Cristiano.

A prefeitura de Magé contratou o sertanejo na última quarta-feira (25) para apresentação no aniversário de 457 anos da cidade, em 8 de junho, pelo valor de R$ 1.004.000,00 (um milhão e quatro mil reais).

Antes de mais nada, veja: Sorocaba abre o jogo sobre Fernando e Maiara; “ele não estava preparado”

Durante a live, Gusttavo se emocionou e disse estar cansado, a ponto de desistir de tudo. “Ultimamente eu venho levando tanta pancada, mas tanta pancada, que venho aguentando calado tudo isso. Eu não sei o porquê de tanto ódio, o porquê de tanta perseguição”, disse o cantor.

“Não vou deixar de cobrar meu valor por ser prefeitura”, disse Gusttavo Lima

Contudo, ainda durante a live em seu Instagram, o cantor sertanejo tratou de frisar, que o valor de seus shows é o mesmo, e que não cobraria menos, por ser uma prefeitura ou algum órgão público, que estava contratando o evento de Gusttavo.

“Não é porque é uma prefeitura que vou deixar de cobrar o meu valor, pois tenho contas e funcionários para pagar. Quando o boleto chega no fim do mês, não tem choro e não tem vela” – afirmou o cantor.

Entretanto, agora Gusttavo Lima e seus fãs aguardam atentos aos próximos capítulos envolvendo o cantor sertanejo, e ficam ansiosos pelo desfecho positivo ao cantor, que é um sucesso de público por todo o Brasil.

Por fim, confira: Carol Nakamura fala sobre volta do filho adotivo à família biológica; confira

Compartilhe isso:

TV MRNews Não perca também: